segunda-feira, 27 de janeiro de 2020

CARNAVAL DOS 200 ANOS DE CACHOEIRA DO SUL

A programação do Carnaval 2020 já foi definida pela Prefeitura Municipal. 
Serão três dias de folia e envolvimento, junto à Passarela do Samba LAURA VARGAS!!!!


Dia 21/02:
21hs = ABERTURA OFICIAL DO CARNAVAL com o desfile da Corte do Carnaval,  Rádio GVC.fm, Bloco das Virgens, Banda Veterana e Blocos variados. Show com a Banda Samba de Moça, de Bento Gonçalves/RS

Dia 22/02:
21hs = Desfile da Corte do Carnaval, Rádio GVC.fm e Banda Veterana
22hs = Desfile das Escolas de Samba

Dia 23/02:
17hs = Apuração e premiação do Carnaval 2020, na UAB/Cachoeira

EVENTO GRATUITO!
FAÇA PARTE DA HISTÓRIA!!


sexta-feira, 24 de janeiro de 2020

PROGRAMAÇÃO PARA O BICENTENÁRIO


Foi divulgado pela Prefeitura Municipal o Calendário Oficial de Eventos de Cachoeira do Sul, todos alusivo aos 200 do município.
A programação está em aberto, aguardando confirmação de datas e locais, assim como, de novos eventos!!!

PARTICIPE!







EXPOSIÇÃO "PERSONALIDADE DO CARNAVAL" - CACHOEIRA 200 ANOS

A Exposição Personagens do Carnaval – Laura Vargas acontece no Museu Municipal – Patrono Edyr Lima - até o final do mês de fevereiro, das 8:00 às 13:00, não sendo necessário agendar a visita. Além de fantasias que já desfilaram no carnaval cachoeirense, faz parte da exposição uma coleção de fotos de folias de diversos anos. 
A exposição faz parte do calendário oficial dos 200 anos de Cachoeira do Sul.

Dona Laura, que em 2020 dá o seu nome à Passarela do Samba, nasceu em Cachoeira do Sul, na localidade Três Vendas, em 6 de Novembro de 1937. Na vida adulta, residiu por muitos anos no Bairro Soares, possui o primeiro grau incompleto e trabalhou como costureira. É casada com o Sr. Augusto Silvestre de Vargas, tendo duas filhas, Gracielle e Jupira, e três netos.

Entrou para o universo do samba a partir da década de 1980, transformando sua casa, como ela mesma diz, em um “barraco de escola de samba”. Participando efetivamente de vários setores do movimento carnavalesco, fez parte da criação do famoso Bloco Brilhante. Já desfilou por diversos Blocos de Rua e Escolas de Samba cachoeirenses, tais como Aldeanos do Samba, Unidos da Vila, Império Comercial, Será que Sai, Ferro Velho, Turma do Gueto, Talagaço, Império Comercial, Eu tô que tô e Bloco Brilhante. Em Porto Alegre, desfilou nas Escolas Sociedade Beneficente Recreativa Imperadores do Samba e Sociedade Recreativa e Beneficente 
Estado Maior da Restinga. Na cidade de Taquari, desfilou pela Escola Batutas.


Sempre fez questão de produzir suas fantasias com as próprias mãos. Muitas vezes, contando com a ajuda do seu amigo, o renomado figurinista Ronald Borges Fortes Rocco, mais conhecido como Rony Rocco, falecido no dia 14 de setembro de 2016. Na falta de habilidades artísticas para desenhar, Dona Laura sempre que possível, cria suas fantasias sem fazer uso de croquis, contando com sua criatividade e talento, ela monta suas obras à mão livre, trabalhando diretamente no manequim.

Em 1995 foi homenageada pela Escola de Samba Aldeanos do Samba, conquistando o vice campeonato:
TEMA: Pompas a Laura Vargas, Tributo ao Esplendor
SAMBA: Pompas a Laura Vargas, tributo ao Esplandor
COMPOSITOR: Carlos Alberto Vargas (Gordo Esber)

Em 2012 saiu pela Escola Unidos da Vila, com a fantasia “Senhora Liberdade”;
Em 2013 saiu pela Escola Unidos da Vila, com a fantasia “Pequena Guerreira”;
E em 2017, seu último desfile foi pela Escola de Samba Aldeanos do Samba, ganhando a premiação de Destaque Luxo.

quinta-feira, 19 de dezembro de 2019

9ª TRAVESSIA A NADO DE CACHOEIRA DO SUL



O Rio Jacuí será palco da 9ª edição da TRAVESSIA A NADO DE CACHOEIRA DO SUL. O evento está marcado para o dia 23 de fevereiro de 2020 (domingo), na Praia Nova. Atletas de vários estados participarão das provas de 100, 300, e 1.800 metros.

Prestigie!!!

terça-feira, 17 de dezembro de 2019

Thaynara Santos é a Rainha dos 200 anos de Cachoeira do Sul

Prefeito Sergio Ghignatti e vice-prefeito Cleber Cardoso com a Corte "Cachoeira 200 anos"
Foi eleita na noite do domingo (15) a Corte dos 200 anos de Cachoeira do Sul. O evento de escolha, promovido pela Prefeitura Municipal, aconteceu no Ginásio Derli Steinmetz (Derlizão). Antes do desfile, as 16 candidatas passaram por entrevista no Gabinete do Prefeito, quando foram avaliadas nos quesitos postura e oratória pelos 5 jurados. Já no Ginásio, as meninas foram avaliadas nos quesitos beleza, desenvoltura na passarela e simpatia.

A Rainha da Corte dos 200 anos é a jovem Thaynara Santos Santos, de 17 anos, moradora do Bairro Santa Terezinha. Thaynara é tradicionalista, 1ª prenda do CTG Os Gaudérios e está concluindo o 2º ano do Ensino Médio no Colégio Marista Roque. Acompanharão a Rainha na Corte as princesas Sthefany Lemes, de 17 anos, moradora do Bairro Marina, e Vanessa Teixeira de Mello, de 18 anos, moradora do Bairro Medianeira.

A Corte eleita foi coroada pelo prefeito Sergio Ghignatti e pelo vice-prefeito Cleber Cardoso. O prefeito se manifestou antes da coroação falando da alegria de ver tantas meninas bem preparadas participando do concurso criado especialmente para os 200 anos da cidade.

quinta-feira, 28 de novembro de 2019

VEM PARA A VIGÍLIA!!!!

No próximo sábado, dia 30, acontece a fase local da 28ª Vigília do Canto Gaúcho. A Vigília, que tem promoção, realização e coordenação da Prefeitura Municipal de Cachoeira do Sul, através do Núcleo Municipal da Cultura, iniciará às 20h30min, no CTG Tropeiros da Lealdade, onde serão classificadas 6 composições. Cada uma das 10 composições concorrentes receberá uma ajuda de custo no valor de R$ 1.800,00. Estas, classificadas na fase municipal, subirão ao palco no dia 1º de agosto de 2020, junto com as 8 classificadas na fase estadual, a realizar-se em 2020.
O show de abertura da 28º Vigília do Canto Gaúcho será feita pelos músicos do projeto Musicalização no Campo e o show de intervalo ficará a cargo de Analise Severo, com o show “Bem Gaúcha”. O ingresso da noite do dia 30 de novembro custará R$ 10,00.

 
Músicas classificadas
No dia 8 de novembro, foram selecionadas as 10 músicas concorrentes da fase local da 28ª Vigília do Canto Gaúcho. Os jurados Jean Kirchoff, Gujo Teixeira e Marcelinho Carvalho, que também serão jurados da etapa municipal, analisaram as 96 canções inscritas para chegar ao veredito final.
- Nas Visões do Mate (milonga) – Letra de Jaime Brum Carlos e Melodia de Jairo Lambari Fernandes;
- O Tempo e o Campo (Chamamé) – Letra de Michel de Carvalho Plautz e Mateus Neves da Fontoura e Melodia de Matheus Couto Bica e Tiago Schoenfeld;
- Sangrador (Milonga) – Letra de Carlos Eduardo Nunes e Melodia de Fabiano Corrêa e Felipe Corrêa;
- Romance do João Barreiro (Milonga) – Letra de Rafael Teixeira Chiappetta e Melodia de Gustavo Araújo Iser;
- Se tu soubesse (Milonga) – Letra e Melodia de Jairo Lambari Fernandes;
- Desencilha (Milonga) – Letra de Mateus Neves da Fontoura e Melodia de Rodrigo Duarte;
- Quando se abraçam guitarras (Polca) – Letra de Carlos Machado, Clênio Bibiano, Rafael Chiappetta e Bianca Bergman e Melodia de Carlos Machado e Clênio Bibiano;
- Guitarra Seis Elementos (Milonga) – Letra de Felipe Corrêa e Douglas Diehl Dias e Melodia de Matheus Bica e Taylor Garin;
- Pergunta Para o Coração (Zamba) – Letra de Jaime Brum Carlos e Melodia de Clênio Bibiano da Rosa;
- Costume Antigo (Xote) – Letra de Dênis Stringuini Silva e Hugo Pedroso e Melodia de Tiago Fontoura da Cruz.

 
Exposição “Os caminhos da Vigília” no Museu Municipal
Até o dia 3 de dezembro, acontece no Museu Municipal – Patrono Edyr Lima a exposição temporária “Os caminhos da Vigília”, que traz uma retrospectiva das 27 edições do evento. No espaço, localizado no salão principal, podem ser vistos diversos CDs, LPs e fitas cassete de edições anteriores, assim como os troféus das Vigílias de 2009, 2011, 2012, 2013, 2014, 2016, 2017 e 2018 e uma lista com as músicas vencedoras de todas as edições com seus respectivos intérpretes.